Posts tagged “filosofia

Estética


Sunflowers, originally uploaded by Eric E Haas.

 

“A beleza é a expressão do infinito no finito” – Schelling

Arte,
ciência e religião
são grandezas numa dimensão superior.
Manifestações individualizadas pelo colectivo particular.

O valor da pureza inteligível,
o estádio supremo da estética,
os limites a atingir,
são o Bem e a Verdade.

Eis onde o individual se funde no contínuo!
Eis onde o todo é compreendido!

in Metafísica [Poética]

 


Permanência

Pathways, originally uploaded by LilyShewan.

 

“Nada é permanente, salvo a mudança”
Heráclito de Éfeso

Existir é coexistir!

Nada está isolado.
O todo não é só o todo.
É também o vazio,
inteiramente unido e interligado.

Kinesis é a vitalidade
nas manifestações
entre o inverso e o reverso
das conexões reais.

A substância é diversidade.
Tudo é dúctil,
Tudo é movimento
e mudança.

Tudo tem o seu próprio tempo.

in Metafísica [Poética]


Convicção

 
 the healing of soul mind body., originally uploaded by shaman..

 

De todas as constantes do universo,
aquela que mais me agrada
é a evolução.

E, de todas as formas possíveis
para a sua aplicação,
a mais bonita
é o conhecimento.

O conhecimento não é estático.

É um processo.
É renovação.

Pode, às vezes, estar incerto,
mas nem isso faz com que não seja inovação.

Sou um convicto socrático!

Afirmo-o de todo o coração.
É isso que faz de mim um ser decidido.
E, simultaneamente,
um espírito permanentemente
                                                           em evolução.

É inegável!
Todo e qualquer aumento
de conhecimento
é uma dádiva de valor incomensurável.

 

in Espelhos e outras Faces


Meditação sobre a Morte (III)

 

O Eu
e o meu Eu,
findam com a morte.

Deles,
apenas fica a lembrança
que por si também é efémera.

Se os outros não recordarem,
até o reconhecimento do meu Eu,
                                                                        cessará!

 

in Metafísica [Poética]


Pendência


sunset road, originally uploaded by hkvam.

 

Ao longo da existência
                                                 do Ser
debate-se,
na sua formação e evolução,
a oposição
                                                 do Eu exterior
                                                 ao Eu interior.

Social
ou individual?

Dizer o que se pensa
ou o que os Outros querem ouvir?

Sujeição da vontade pessoal?
Dilema da verdade existencial!

 

in Metafìsica [Poética]


Políticos!

Homens com ambição
são políticos sem convicção.

Quer no governo,
quer na oposição,
o que dizem num momento, desdizem noutro,
consoante a posição que detêm:
governo ou oposição.

Fazem leis sem ciência!
Na urgência do instante,
sem consideração pelo futuro,
pelo voto sem consciência,
na protecção da imunidade.

Porque o partido não é individual
e o partido é a justificação total.
Sem ele, não são políticos!
Sem ele, são responsabilizados!

Políticos!
Sejam de esquerda,
sejam de direita,
tem preocupações comuns:

A demagogia,
pela qual obstruem e afundam a democracia.
E o bem-estar.
Os políticos preocupam-se com o bem-estar.

Com o deles!

 

in Aforismos e Reflexões [Poética]


Arte


Glass buildings, originally uploaded by (Erik).

 

Num acto anímico,
o abstracto exprime o inexprimível.
Mas criar vida é irrepetível.

Arte,
é expressão humana desprovida.
É a criação que é distracção.
É cultura e nascente de reflexão.
Mas não é verdadeira fonte.

Só o Homem é arte viva!

 

in Metafísica [Poética]


(Des)Conhecimento


White Light, originally uploaded by Philippe Sainte-Laudy.

 

Nós não conhecemos o ser das coisas.
Deciframos o mecanismo
mas ignoramos a razão.

Nós não nos conhecemos!

Então,
deveremos ousar
desvendar
os criptogramas
do infinitamente grande
e do infinitamente pequeno?

Não é verdade
que ainda nos desconhecemos?
Não é verdade
que ainda desconhecemos
o ser das coisas?

Sem conhecer, seremos infinito?

 

in Metafísica [Poética]


Aspiração

Pawnee Celestial Pondering, originally uploaded by Fort Photo.

 

“Ser Homem é tender a ser Deus”
                                                                        Jean-Paul Sartre

Só quem foi mortal
poderá ser mais.
Mas tal possibilidade
é impraticável na mesma viagem.

Apenas pelo ritual
                                     da passagem
a transcendência acontece.

Sempre em tempos diferentes.
Sempre na esperança de recordar.

Tudo pelo desejo de ser
                                             livre.
Ilimitadamente
                                Livre.

 

in Metafísica [Poética]


Solidão

“Somente ao homem é dada a solidão”
Vicente Ferreira da Silva, filósofo brasileiro (1916-1963)

 

Meio de franquear o real,
átrio para a liberdade.

Recolha necessária à progressão,
a solidão,
é possibilidade de reavaliação
                                                           do todo social
e evolução
                      individual.

Mas,
não há simplicidade
no rompimento humano.

E para ser genuíno,
tem que advir duma atitude positiva.

Na solidão,
                      a consciência reconhece-se.

A solidão admite o encontro!

 

in Metafísica [Poética]


Dialéctica das Consciências

A Shift

“A Shit” by Lily Shewan

 

No cerne do mundo
está a exposição de Entes.

Nessa massa original,
o informe individual,
aprende,
educa-se
e desenvolve-se.

A forma aparece
na moldagem da inteligência.

A transição dialogante entre os homens,
acontece
no exterior e nos desafios da Natureza.

Entre o Ser, o Outro e os demais universos
– tangíveis e intangíveis –
há um nexo indissociável.

E,
resultante dum processo de auto-afirmação,
o Eu existe pelo confronto.

Mas a Consciência apenas evolui no respeito!

 

in Metafísica [Poética]


Demanda

Quem se procura,
em si mesmo,
encontra o Outro e o respeito pelo todo social.

Os genuínos laços de vinculação
inter-pessoal,
começam na introspecção
individual.

Mas é necessário um exercício de probidade!

Para ser
com o Outro,
antes,
o Ser deve ser consigo mesmo.

Encontra-te em ti mesmo!

É a primeira realidade.

 

in Metafísica [Poética]


Identidade

Ó vil criatura
de vãs fantasias,
vives socialmente
no “plasma amorfo das sensações”.
Descontraído.
Habituado.

Mas nada criaste!
Absorveste,
as normas e os comportamentos
que a sociedade te deu
ou impôs.

Então,
como sabes que és?
Onde está o teu Eu?

in Metafísica [Poética]


Meditação sobre a Morte (II)

O Universo não é infinito.
O Homem também não.

A morte é uma passagem
para um período de tempo maior
no todo finito do Universo.

Mas neste ou no próximo é igual.
Todo o tempo é temporário.

in Metafísica [Poética]


Sólon

Recebeu o poder
apenas para o distribuir.
Apesar dos limites
revolucionou os conceitos.

Iluminou o mundo!
Indicou o caminho a seguir!

Poder é responsabilidade que deve ser partilhada.
Se os benefícios forem só para um serão realmente benéficos?

A responsabilidade é individual e colectiva.

O Bem só é bem se for comum!

in Deuses, Homens e o Universo


Transcendência


Transformation, originally uploaded by LilyShewan.

 

“A linguagem é a efectividade do estranhamento e da cultura”
                                                                                                                  Hegel

Não comunicamos por imagens.
Mas por sons!

As palavras
são os instrumentos
de identificação e classificação dos sons.

A vontade de superar o real
é ascendente e descendente.
E as palavras permitem a expressão ao Eu.

Mas no diálogo entre a aparência e o Ser,
as imagens são as metamorfoses das palavras

Num baile das máscaras
é fácil esquecer a identidade,
confundir a existência
e sucumbir aos encantamentos.

Ultrapassar o labirinto é possível.
Regressar à origem é crescer.
E aí, o Homem, desenvolve-se poderoso.

Na transcendência da linguagem edifica-se o cosmos humano.

 

in Metafísica [Poética]


Fluidez

Nada é imutável.
Tudo é mutável.
Tudo é transformação.

O Ser é o vector da cadência,
a entidade fluida
no irradiar do multiverso.

Nada é impossibilidade.
Tudo é possibilidade.
Tudo é evolução.

in Metafísica [Poética]


Convergência

“A ciência é apenas uma verdade. A outra é a fé”
                                                                                             Novalis

O uno é divisível!
Em dois,
em quatro,
em vários.

Mas, sem realidade e espírito
não há verdade.
Todas as suas partes
só o são se encaradas em si.

O uno é o todo!
Fora do todo, só o vazio.
E o vazio
                    é o espaço onde o todo se expande.

in Metafísica [Poética]


Evolução

No universo não há absolutos.

Há evolução,
mutação e transformação.

Pelo tempo e pelo espaço.

E nenhuma existência é igual
porque o tempo não se repete
nem o espaço é o mesmo.

in Metafísica [Poética]


Consciência (III)

O Eu é acção,
luta
e determinação

É o fazer-se por si na resistência ao mundo.
É a prática vivida,
a essência conseguida,
                                                pela autonomia
experimentada na urdidura
                                                        do cosmos.

O Eu é liberdade.
                                   Ínsita.
                                   Inacabada.

 

in Metafísica [Poética]