queres?


desire, originally uploaded by bcfp.

 

somos?
somos o improvável da manhã e a nuance nas árvores caducas.
somos o crepúsculo das flores e a luz que vela a noite.

somos?
somos a tristeza da separação ou a incerteza da espera.

mas o fogo acontece
e somos flama desprendida,
desejo imortal, ondas em perdição

toda a carne se quer, toda a alma se entrega
à intensidade do momento que gera o suspiro do corpo.

algures, o tempo permitirá o alento.

e o beijo fecundará o Verbo,
e a entrega acontecerá serena,
nos braços da paixão.

somos!
somos o inevitável!

queres?

15 responses

  1. Lindo, Vicente!

    A filosofia de mãos dadas com a poesia.

    QUERO!

    Beijos

    Mirze

    Fevereiro 14, 2011 às 23:47

  2. Cristina

    E quem não quer?

    Fevereiro 15, 2011 às 12:10

  3. Isabel

    Inevitável é voltar ao seu blog.

    Que poema mais lindo.

    Fevereiro 15, 2011 às 19:22

  4. Maria José Fabião

    Parabéns. Tem um blog dos mais bonitos que tenho visto. Bjs.

    Fevereiro 15, 2011 às 19:32

  5. oceanus

    vicente!

    ” … dar vida e criar
    dar vida sem se apropriar
    agir sem esperar retorno
    persistir sem dominar
    a isso se chama a virtude oculta … ”

    …a isso se chama Amor!

    ps. a imagem é sublime!

    Oceanus

    Fevereiro 16, 2011 às 23:19

  6. Isabel

    Eu quero!

    Fevereiro 19, 2011 às 17:02

  7. maria augusta soares

    (…) somos?
    somos a tristeza da separação ou a incerteza da espera.(…)

    (…) somos!
    somos o inevitável! (…)

    Sim, também quero!!

    Lindo, Vicente!

    Fevereiro 19, 2011 às 20:32

  8. Graça Pires

    Somos o inevitável de tudo o que queremos ser… Belo poema!
    Um beijo.

    Fevereiro 22, 2011 às 12:27

  9. Maria Ana

    Posso querer?

    Fevereiro 23, 2011 às 17:45

  10. quero que me diga que é feito de si ,poeta!?

    .
    um beijo
    ( com saudade )

    Fevereiro 25, 2011 às 17:59

  11. Elsa Martins Estesves

    Se o Querer tem a essência do Ser, então Sou Querendo!
    EME

    Fevereiro 26, 2011 às 20:56

  12. I

    Pois que nasçam mais palavras!

    Março 1, 2011 às 00:54

  13. Maria Antónia Anacleto

    “Somos o inevitável!
    Queres?”

    Quero Vicente. Amo as tuas palavras. Já tinha saudades de os meus olhos se demorarem nelas….Gosto muito.

    Julho 15, 2011 às 01:16

  14. Maria José Fabião

    Quero. Poema lindíssimo, carregado de espiritualidade. Bj

    Julho 16, 2011 às 18:19

  15. Ni

    Sempre!

    Janeiro 14, 2012 às 11:53

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s