Resistência

a pedra furada pelo informe
é mó no rasto da vida,

onde o indecifrável estaciona à deriva.

amor é enigma
para os náufragos dos momentos.

tudo bolina sem destino nas rotas da emoção.

certeza?
tudo cede!

 

in Da Natureza e Afins

6 responses

  1. O amor é um enigma para quem o não conhece.
    Certeza? Apenas de que a tua escrita é sublime!

    Beijo

    Janeiro 7, 2009 às 10:09

  2. “tudo bolina sem destino nas rotas da emoção.” Achei belíssimo. Um abraço.

    Janeiro 7, 2009 às 10:49

  3. Como estou a ouvir o último CD do João Paulo ‘Memórias de Quem’
    digo, que as rotas da emoção são destinos que construímos com as mãos, bolinam com a exaltação.
    mas nunca sem destino

    beijinho

    Janeiro 7, 2009 às 23:36

  4. hfm

    Leio com o silêncio necessário para estas palavras. Obrigada.

    Janeiro 9, 2009 às 19:00

  5. Olá ;))
    A poesia não se pode comentar assim. Lê-se e deixamo-nos ler.
    ______________________
    __________
    Deixo-te um desafio.
    Está postado na minha casota.
    Bom f.s.
    Bjs
    Luz e paz

    Janeiro 10, 2009 às 22:29

  6. EF

    “tudo cede!”

    e tudo muda.

    Cumprimentos
    EF

    Fevereiro 5, 2009 às 16:04

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s