Tapeçarias


Prison Of Love, originally uploaded by Philippe Sainte-Laudy.

 

o tempo no tempo de ser
existência conjunta.

sopros de múltipla espécie!

ondas incertas,
como afagos na liberdade em vento.

breves recordações.

ou frágeis manhãs,
nas imensas linhas do coração.

 

in Interlúdios da Certeza

8 responses

  1. Breves recordações , que nos tecem os sentires.
    Beijito.

    Dezembro 3, 2008 às 11:21

  2. a simplicidade de uma escrita belíssima

    bom dia ,Poeta

    .
    um beijo

    Dezembro 3, 2008 às 16:26

  3. frágeis manhãs,
    nas imensas linhas do coração : o tempo.
    Gostei muito. Um abraço.

    Dezembro 3, 2008 às 20:56

  4. Voam sopros de beleza por sobre as palavras. Leves, claras. Como frágeis lembranças que passam. **

    Dezembro 4, 2008 às 13:15

  5. luísa

    muito belo
    a incerteza é o que tenho de mais certo nas palavras que voam pelo tempo

    um abraço
    luísa

    Dezembro 4, 2008 às 16:20

  6. …como as palavras podem percorrer e enaltecer a verdadeira essência em ser …

    bjs

    Dezembro 8, 2008 às 19:56

  7. Na vida há frágeis manhãs.
    E não são poucas!

    Janeiro 15, 2009 às 23:31

  8. Pingback: O Bosão do João | do Inatingível e outros Cosmos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s