Redenção

Quem me dera ter
a possibilidade
de percorrer
uma nova oportunidade.

Tentaria
os meus erros não repetir.
Não
para atingir
uma vivência de perfeição,
mas com a intenção
de os assumir.

Quem me dera
proferir
uma afirmação
e ter
a coragem
de os reconhecer.
Uma mensagem
elaborar,
na minha vicissitude
me encontrar,
e pela sua plenitude
me revestir.

Quem me dera
passar de ente incompleto
a um ser
mais completo.
Não
para me tornar mais,
mas para ser
um entre iguais.

Quem me dera
por essa redenção,
uma maneira de expiação
atingir.

O espírito sossegar,
a alma aliviar.

O meu todo reunir
e, assim, evoluir.

in Letras, Palavras e Linhas: Gestos pela diferença

3 responses

  1. Aqui pensando que se eu tivesse outra vida, acabaria cometendo os mesmos erros, sobretudo se não tivesse lembrança do resultado das minhas escolhas.
    Sim, cometeria os mesmos erros, se mesmas fossem as circunstâncias.
    Abraços, Vicente.

    Novembro 12, 2008 às 14:10

  2. A possibilidade … para manter a humanidade.
    Belo!

    Novembro 13, 2008 às 00:21

  3. TV

    Assumir os erros para ser humanamente evoluido.

    Quero mais assim, se possível.

    Novembro 13, 2008 às 00:23

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s